Uma carta.. oito músicas... um sentimento

Entre por essa porta agora, e diga que me adora, você tem meia hora pra mudar minha vida... Só porque meu coração dispara, quando tem o seu cheiro, dentro de um livro... Aí eu me desespero e ando pelo mundo, divertindo gente e chorando... ao telefone... E quando ando pelo mundo... meus amigos cadê??? Meu amor cadê você, eu acordei, não tem ninguém ao lado... Por isso agora a porta está trancada, para todos os gritos, para todas as mentiras... Mas eu pulo a janela, será que eu estou trancada aqui dentro??? Será que você está trancado lá fora??? Pois sem você... sem você... nem o tempo me faz companhia, o silêncio dessas horas frias são palavras que não sei dizer... Pois hoje eu queria te encontrar de qualquer jeito... Pra te abraçar... e ouvir qualquer palavra sua... ou qualquer frase exagerada que me faça sentir VIVA... Hoje, preciso de você... com qualquer sorriso... hoje, só tua presença vai me deixar feliz... SÓ HOJE... Porque sabe aqueles dias em que horas dizem nada... e você nem troca o pijama e preferia estar na cama... pois é... Sem poder nada fazer, sem que tento me vencer e acabar com a mudez...mas na verdade nada esconde essa timidez... eu carrego comigo a grande agonia... de dizer... SÓ VOCÊ... SÓ VOCÊ... QUE CONHECE MEU JEITO DE SENTIR... MEU JEITO DE SORRIR E ATÉ MEU JEITO DE CHORAR... SÓ VOCÊ ME CONHECE AMOR... SÓ VOCÊ SABE BEM QUEM SOU... Por isso fecho os olhos pra não ver passar o tempo... Sinto falta de você... Sem você não sei viver... Então vem, que eu conto os dias e contas as horas pra te ver... Eu não consigo te esquecer... Então vem...que nos teus braços esse amor e uma canção... EU NÃO VOU SABER ME ACOSTUMAR... SEM SUAS MÃOS PRA ME ACALMAR, SEM SEU OLHAR PRA ME ENTENDER... SEM SEU CARINHO AMOR... SEM VOCÊ... VEM ME TIRAR DA SOLIDÃO... FAZER FELIZ MEU CORAÇÃO... JÁ NÃO IMPORTA QUEM ERROU... O QUE PASSOU... PASSOU...

Um comentário: