Conquista

5 comentários:

  1. kkkkkkkkkk
    é júlio parece que -nada se cria
    tudo se copia-
    te deixo isso
    --
    Pois se pródigo, um amor,
    Ultrapassa o equilíbrio
    Entre os amantes...

    Lesa um peito,
    E do outro, esgotado,
    Arrebata-se semelhante,
    O justo pulsar equilibrado.

    __________
    Gui Bassalo
    bjs

    ResponderExcluir
  2. E nem sempre acertam o alvo...
    Perfeito, Júlio!!! Quer dizer...se interpretei bem a sua citação. Faço essa ressalva porque um dia desses, amigo, estava no aeroporto aguardando embarque e fui parar à deriva num blog de poesias.Li o poema e disse o que senti.(Não sei comentar como os poetas e poetisas, apenas interpreto-o). Talvez por força da minha profissão, dou detalhes (não escondo nada)do que senti. Mas fui educada. Sempre sou. Júlio, a poetisa me enviou um e-mail, me espinafrando.;) Saí correndo do blog. Fiz esse testamento porque se algum dia eu deixar um comentário que não tenha nada a ver com o poema, você já sabe e me desculpa, tá?
    Um beijo, amigo poeta. Desculpe o testamento.:)

    ResponderExcluir