Patuá na cesta básica

...
Desalinhado com o tempo
Desfaz-se em querer espontâneo
Soprando desejos profanos
[ignaros] órfãos incontroláveis
Em permanente desordem
[achados oniscientes] 
Sanguessugas iluminados
Carentes de atenção
Eterno caos: ação e reação
...

13 comentários:

  1. Meu amigo

    nesse caos...vamos sobrevivendo ao tempo.
    gostei...diz muito.

    beijinhso
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  2. Oi!!

    Saudade de você Julio

    Tudo bem?

    bj

    ResponderExcluir
  3. Bom demais te receber por lá

    beijos

    ResponderExcluir
  4. Legal seu blog ! Se puder, podes retribuir o comentário no meu blog sobre tênis ?

    breakpointbrasil.blogspot.com/ - Se quiser seguir também fique à vontade !

    Abraço !

    ResponderExcluir
  5. o caminho é feito assim... acção, reacção... nós fazemos o nosso caminho, para o melhor ou para o pior.

    grata pela visita, sentida pelo abraço. retribuo...

    ResponderExcluir
  6. Julio.
    Vim retribuir a visita feita ao Chega Junto.
    Gostei do seu blog, voltarei mais vezes.
    beijos
    heli

    ResponderExcluir
  7. ciao,, nice blog..


    visit me, please..

    http://uzanck-area.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Vamos sobrevivendo e aprendendo...abraços de bom sabado pra ti amigo,

    ResponderExcluir
  9. Olá Julio
    Seu poema se enquadra perfeitamente dentro da realidade atual do Rio. Toda ação gera uma reação.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  10. Julio

    deixei recado pra vc á no meu blog...

    bj

    ResponderExcluir