Dermatológico



...
Toque-me
[dedo a dedo]
Sinta nas pontas
O contato
A pele ardente
De cor anonimato
Um descontrole tátil
Que faz vibrar
...
Há um suspiro solto no ar
Não tem mistério
É só vontade que dá
...

8 comentários:

  1. Que intensidade!
    Lindo, belo poema!

    saudade de ler-te.

    beijo meu, pra vc!

    ResponderExcluir
  2. Oi Júlio..
    quanto tempo, também saudades daqui
    Tanta intensidade no toque dos dedos e sentido!
    Um abraço,
    sempre escrevendo muito bem meu amigo!
    Ju

    ResponderExcluir
  3. Meu querido amigo

    O amor está no ar...o teu poema diz isso...lindo.

    Beijinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  4. há um incêndio na ponta dos dedos.
    abração, r.

    ResponderExcluir
  5. Vontade no suspiro e o coração a bailar!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Um arrepio que sobe pela espinha e atiça a alma.

    Bjo

    ResponderExcluir