Das misérias e fraquezas

9 comentários:

  1. Aceitar o próximo é aceitar a ti mesmo. beijo amigo

    ResponderExcluir
  2. Meu amigo

    Uma verdade mesmo...temos que aceitar os outros como são, para que nos aceitem também.

    Deixo um beijinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  3. De tudo apenas uma verdade:
    Não conseguiremos aceitar as diferenças, pois as semelhanças sempre falam mais alto.

    ResponderExcluir
  4. Acho que tudo começa com a gente, se nos aceitamos como somos - se me aceito como sou- com minhas fraquezas e defeitos, então posso olhar pra os outros e aceita-los por serem quem são: humanos.

    Milhões de beijos

    ResponderExcluir
  5. O ser humano deveria aceitar as pessoas como elas são e não como gostaríamos que elas fossem...aí sim o mundo seria perfeito.

    ResponderExcluir
  6. Olá. Primeira vez por aqui. Gostei e vou ficar. ;-)
    Quanto ao post, perfeito!
    E como é difícil aceitar a humanidade nos outros; aceitar seus erros e acertos, suas fugas e conquistas... Às vezes penso que não aceitamos a humanidade nos outros porque projetamos neles todos os nossos anseios, as nossas expectativas. Ledo engano.

    Um grande prazer ter estado aqui.
    Abraços,
    Déia

    ResponderExcluir
  7. Júlio,
    gostei do que me propicias apreciar aqui no teu espaço...
    Vai me ver mais vezes com certeza...

    ResponderExcluir